Músicas

Desde a adolescência nutro grande apreço pela música em geral. Tentei ser músico, violonista, mas foi em vão. Guardei o violão presentado por minha avó e dediquei-me a ouvir e analisar as músicas de minha predileção.

Durante anos a fio me dediquei à música negra norte-americana, em especial ao jazz, blues, soul music, gospel e rhythm & blues. Sou pesquisador desses gêneros musicais há décadas e tive o enorme prazer de pesquisar "in loco" no período em que vivi nos Estados Unidos.

Atravessei a Terra do Tio Sam em todas as direções em busca de música de excelente qualidade. Ao longo do tempo investi parte do dinheiro que ganhei em centenas de shows ao redor do planeta, discos e outros itens ligados à música. E, como diz a música, "começaria tudo outra vez se preciso fosse".

A minha paixão pela música teve um empurrão de peso. Dilson Sayad Maia, um amigo que há anos não vejo, era diretor artístico de uma emissora de rádio e uma visita à sua casa foi o que me faltava.

Desde então tenho me dedicado nas horas vagas a pesquisar músicas e suas respectivas histórias. Uma espécie de garimpo ininterrupto do conhecido, do novo, do inusitado, do que pode ser sucesso.

Aqui neste espaço publicarei com regularidade algumas músicas que considero especiais, na versão original ou nas suas releituras, o que me encanta muito. Tudo acompanhado de um pequeno e breve histórico, para que vocês também se apaixonem por essa arte que é infindável e não tem fronteiras.

 

They Can't Take That Away From Me

Escrita por George e Ira Gershwin, a canção “They Can't Take That Away From Me” foi lançada pelo genial Fred Astaire em 1937, no filme “Dança Comigo? (Shall We Dance)”. Sucesso que vem atravessando décadas, “They Can't Take That Away From Me” foi gravada e regravada inúmeras vezes, sempre pelas melhores e mais badaladas vozes que frequentam o universo dos trinados.

A versão que trago reforça uma tese há muito defendida por mim.. Se enfrentar uma mulher talentosa já é uma tarefa difícil, duas ou mais é um evidente ato de covardia.

Nascida na Inglaterra, a mezzo-soprano Sarah Connolly é uma das mais belas vozes da música clássica na atualidade. Ela estudou piano e canto no Royal College of Music, reconhecida escola de música do Reino Unido, e durante cinco anos integrou o “BBC Singers”, um coral de câmara com 24 vozes, que entre tantas apresentações cantou no funeral da Princesa Diana. Após deixar o grupo, Sarah Connolly passou a gravar obras de renomados autores da música clássica.

Igualmente inglesa, Alison Balsom vai muito além de um rosto bonito nos palcos da música mundial. Dona de talento incontestável, Balsom tem arrancado o silêncio de várias plateias ao redor do mundo com o seu trompete.

Depois de frequentar conceituadas escolas de música, como “Guildhall School of Music and Drama”, “The Royal Scottish Academy of Music and Drama” e o Conservatório de Paris, a jovem Alison Balsom estreou profissionalmente em 2001.

Acompanhadas pela precisa Orquestra Sinfônica e o Coral da BBC, no Royal Albert Hall, em Londres, Sarah Connoly e Alison Balsom interpretam com um toque cerimonioso "They Can't Take That Away From Me", sem em nenhum momento perder o swing que Gershwin e Astaire imprimiram à canção na década de 30.

Ajeite-se na cadeira, aumente o som e curta essa incrível versão de "They Can't Take That Away From Me", na voz pontente de Sarah Connoly, ao som do impecável trompete de Alison Balsom.

 

 

 

 

Família Gordon arrasa no estúdio com "Georgia On My Mind"

Considerado o "soul man" brasileiro, Tony Gordon tem a música no DNA. Filho de Dave Gordon e Denise Duran (ele é sobrinho de Dolores Duran), Tony Gordon é dono de uma das mais belas vozes da música brasileira. Tony cresceu ouvindo Ella Fitzgerald, Louis Armstrong, Sarah Vaughan e outros grandes nomes da música negra norte-americana.

Desde que surgiu cantando sucessos da "black music", Tony Gordon conquistou os amantes desse estilo musical. Tony Gordon interpretou de forma marcante trechos da música "You Are So Beautiful" para a montadora Toyota, no lançamento da linha Corolla 2005/2006, que teve veiculação mundial.

Essa dica musical é simplesmente de arrepiar. Tony canta "Georgia on My Mind", sucesso encravado na história da música por ninguém menos que Ray Charles, ao lado da irmã Izzy, do pai Dave, da mãe Denise Duran e de William Gordon.

Os amantes do jazz e da soul music que se preparem, pois essa gravação, feita em estúdio, é de arrepiar.

 

 

 

Novo espaço, um pouco de mim

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

uchohaddad.com.br - Todos os direitos reservados - Copyright 2013